Uma carta amarela

Filipa Menezes

Nos últimos tempos tenho andado muito preocupada com o meu futuro. Por isso, inspirada por uma carta escrita por um aluno do ensino privado ao Presidente da República, Professor Doutor Marcelo Rebelo de Sousa, decidi também eu escrever uma carta amarela:

 

Exmo. Sr. Presidente da República

Prof. Dr. Marcelo Rebelo de Sousa

Excelentíssimo Senhor Presidente da República,

Venho por este meio pedir que não me magoe deste modo cruel por não ter um carro adequado a mim, pois até sou uma pessoa bonita, simpática e sociável, e saio muitas vezes com os meus amigos, num horrível Renault Clio com a pintura a cair.

Eu gosto bastante dos Ferraris, são bons carros a nível de design e de comportamento na estrada, e não são carros só para os ricos. Nunca vi um Ferrari a recusar-se a abrir a porta a um pobre maltrapilho, enquanto que o meu Clio já me deixou na rua muitas vezes. Com um Ferrari eu poderia participar em muitos concursos automóvel e ficar bem classificada graças aos senhores que o desenvolveram tão bem para ser um grande carro.

Será que me pode explicar porquê que os meus pais não podem escolher o carro que me vão comprar? E o Ronaldo pode, não será isso falta de igualdade de oportunidades?

Espero que o senhor Presidente entenda o sofrimento que tenho de cada vez que chego à porta do Urban com os meus amigos num carro já velho e sem o aspecto daquelas “máquinas” que costumam estar lá à porta. Não imagina a dor que sinto de cada vez que passo por um stand da Ferrari, da próxima vez terão, por certo, que me arrastar de lá para fora com toda a força, porque eu não me quero afastar daqueles carros lindos! Espero que esteja a ler a minha carta, pois se calhar vou ter que continuar a andar no Renault Clio e um dia vou ter um acidente porque a segurança do carro não é nada de especial. Aí vou ficar incapacitada para o resto da vida e vou viver com uma pensão miserável que me vai impedir de continuar a realizar os meus sonhos.

Um beijo no coração e um grande abraço da sua sempre amiga,

Filipa.

P.s.: o Ferrari pode ser amarelo?


Imagem: FerrariAlguns direitos reservados.

Anúncios